17.11.12

O Retorno de Rafe Mackade

   Conforme prometido: Muito prazer, nós somos o Mackade!




Sinopse: Após 10 anos, Rafe MacKade retorna a Antietam, sua cidade natal. O rapaz rebelde, sexy e irresistível tornou-se um homem de sucesso, com dinheiro no bolso e muitos planos para o futuro. Para começar, acabara de realizar seu grande sonho: comprar a antiga mansão Barlow. Considerada uma casa mal-assombrada, Rafe planeja restaurá-la nos mínimos detalhes: estrutura, pintura e principalmente, decoração de época. Para essa tarefa, conta com a ajuda da bela Regan Bishop, dona de um antiquário local e tão rebelde quanto Rafe. Além de contratar os serviços de Regan, Rafe também está muito interessado em arrumar espaço em sua vida atribulada para mais um desafio: conquistar aquela mulher arredia. Mas Regan não está disposta a ceder aos caprichos de um homem pecaminosamente lindo. Ainda que esteja se apaixonando por ele...


MINHA RESENHA
Ai gente, eu tento ser imparcial. Mas em se tratando de Nora Roberts, e dos Mackade... me desculpem mas vou ser prá lá de passional. Borboletas voam no meu estômago em falar deles, e olhem que o Rafe nem é meu Mackade favorito. Mas amo todos...
Tendo em vista minha paixão por eles, essa resenha pode ter spoillers.
Vamos lá: Rafe é o segundo , e mais briguento, dos irmãos. Uma noite, depois de mais uma de suas brigas, Rafe decide ir embora de Antietam e vencer na vida. Ele nunca aceitou e se conformou com a situação que seu pai os deixou depois de sua morte.
Rafe volta depois de 10 anos com a sensação de dever cumprido, pois venceu na vida. agora seu próximo passo é restaurar a mansão que comprou. Mas ele a quer como fora construída originalmente. Para isso ele acaba procurando Regan, ela se mudou há pouco pra Antietam e entende de decoração como poucos. Os dois começam a trabalhar juntos, mas como eu mesma diria: "Isso não vai prestar". 
Conquistador é o que os Mackade mais foram e são. Rafe, com seus olhos verdes e seu temperamento forte é pra lá de irresitível. Sabe aquele 'hominho de papel' que tem pegada? Pois é, o nome dele é Rafe Mackade, ele não pede, ele toma o que quer. E quando sorri... pronto é a perdição de qualquer mulher. Ele pensa que com Regan também será assim, mas ela é muito mais difícil que ele imagina.
O jogo de conquista dos dois é quase um cabo de guerra, pois nenhum dos dois vai dar " o braço a torcer" que está apaixonado pelo outro. Rafe mulherengo e solteirão convicto, Regan uma mulher independente, dona de sua vida pra se unir a um homem tão... tão Rafe (não tem descrição).
Gente eu não vou contar o livro, mas uma cena que eu adoro é quando eles fazem uma aposta e lógico quem perde tem que "agradar" o outro. Quer uma mulher decidida? É Regan, a maneira que ela paga essa aposta teria feito Rafe dar uns tapas em seus traseiro, se ele fosse disso. 
Quando enfim os dois se rendem a paixão, é um dos romances mais gostoso que já li. Com todo seu temperamento brigão, Rafe é todo cuidados com Regan, e ela com ele. 
Nem tudo serão flores nesse romance, mas no final tudo vale a pena. 
Eu vou parar por aqui, se não eu vou acabar contando todo o livro.
Ah, sem entrar em detalhes, mas o liro tem um "Q" de sobrenatural. Mas deu uma magia enorme ao livro.


TRECHOS:

"...Regan mantinha as mãos cerradas com força no colo. Horrorizava-a quanto queria usá-las nele. Arrastá-las pelos seus cabelos, sentir os músculos sob aquela desbotada camisa de flanela. Mas não o fez.
Quando Rafe tornou a endireitar-se, Regan continuou com as mãos onde estavam e deu-se algum tempo para nivelar a voz.
— Somos parceiros profissionais, não colegas de recreação.
— Temos negócios a tratar — ele concordou.
— Teria feito essa manobra se eu fosse homem?
Ele encarou-a. O riso abafado começou baixo e desabrochou em uma gargalhada gostosa, enquanto ela se contorcia pela maneira ridícula como formulara a pergunta.
— Dou-lhe um definitivo não a esta pergunta. Imagino que nesse caso você na certa também não ia querer retribuir o beijo.
— Escute, vamos esclarecer logo isso. Eu já fiquei a par de tudo sobre os irmãos MacKade e como são irresistíveis para as mulheres.
— Tem sido uma maldição toda a nossa vida.
— A questão é a seguinte: não estou interessada em namoricos, em casos, nem em relacionamentos..."

"...— Não vou fingir que não me sinto atraída por você, nem que não gostei disso, quando obviamente gostei — acabou desabafando.
Tentando relaxar, ele recostou-se na bancada e examinou-a.
— E?
— E... — Ela ajeitou os cabelos para trás. — E eu acho que as complicações são... complicadas — respondeu sem convicção. — Não quero... isto é, não acho... — Fechou os olhos e bebeu mais uma vez. — Estou gaguejando.
— Eu percebi. E um agradável incentivo para o ego.
— Seu ego não precisa de qualquer incentivo. Você é muito prepotente. Mas não tenho a menor dúvida de que o sexo seria memorável... Não ria de mim assim.
— Desculpe — o sorriso não se desfez. — Deve ter sido a sua escolha de palavras. Memorável é bom. Eu gosto do som. Por que não poupamos tempo? Entendi o que quer dizer. Você quer ruminar a idéia, só dar o passo seguinte quando estiver pronta.
Regan pensou e depois assentiu devagar com a cabeça.
— Acertou quase em cheio...."



Olha só, achei que estava curada da minha paixão pelos Mackade, mas descobri que ela estava só adormecida. Agora, louca pra reler O Orgulho de Jarede Mackade, e em breve resenha pra vocês.
Beijos.








15 comentários:

  1. Eu fico derretidinha com esses homens metidos a machões que jogam na parede e chamam de lagartixa. Tenho um fraco para cafajestes. kkkkkkkkkkkkkk
    Esse é romance de banca, amiga? Ou ele tem formato normal dos livros?
    Adorei a sinopse!!! Eu quero!!!!
    Eu deveria ser proibida de ler resenhas, estou em REHAB de comprar livros. kkkkkkkkkkkkk

    bjuss

    Carol

    ResponderExcluir
  2. Ai...(eu só sei falar "ai") Mas é que quando vejo umas resenhas dessas...que outra reação posso ter?? Já tinha visto a sinopse no skoob, e estava já com a pulguinha atrás da orelha, e agora com essa resenha...minha orelha virou um circo de pulgas!!!!
    Também sou fã desse bonitões que voltam ricos e e cheios de atitudes...( e o negócio da lagartixa na parede também viu Carol??!!!!...rs...)... Tô lascada!! Bora fazer pesquisa de preço...rs...

    Parabéns!
    Vc vai estourar meu cartão de créditos!!...rs...
    Bjo!

    Lu. Franzin

    ResponderExcluir
  3. Nossa Eykler, que homens são esses??? Eu sou louca para ler esta série, mas ainda não tive a oportunidade! Adorei sua resenha e ela só me deixou mais ansiosa pela leitura! Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  4. Acredita que, apesar de ser muito fã de Nora eu nunca li os Mackade??
    Com esses trechos que vc colocou, fiquei ainda mais ansiosa!!!

    Bjks

    ResponderExcluir
  5. Faz algum tempo que os li em PDF, agora faço questão de tê-los comigo e é claro que vou reler. Valeu.

    ResponderExcluir
  6. Amei a resenha,ainda não li nenhum dos livros e você me deixou louca para ler e me apaixonar também....

    Ahh vou ter que passar ele na frente da lista de leituras....

    Adorei sua resenha passional!!!

    Perfeita!!!

    bjsss

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Ai eu não consigo parar de rir do comentário da Lu.
    Sou bem como ela.
    rsrsrs

    beijokas!

    ResponderExcluir
  9. Hey~ Tava passeando por um blog e acabei encontrando o seu, que alias é muito bonito ♥ por isso resolvi te convidar a participar no Blog Destaque lá na minha pagina, oque você acha? Se tiver interesse dá uma passadinha rapida lá no meu blog para saber como aparecer lá ^^ mas se não tiver interesse então desculpa o incomodo, tenha uma Boa Semana!

    http://himi-tsu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Adoro essas séries da Nora... os Mackade tem lugar cativo no meu coração, só acho uma pena não terem feito essa série em forma de livraria para eles terem um lugar de destaque na minha estante...
    Essa série é ótima para quem não conhece a autora ou para quem tem preconceito com livros de banca... são maravilhosos!!

    beijos,

    ResponderExcluir
  11. Sou suspeita quando o assunto é Nora Roberts, porque gosto de tudo (De tudo mesmo... Até o que o povo diz não gostar tanto). Perdi essa série a primeira vez em que ela foi publicada e nunca me perdoei por isso. Dessa vez não me escapa de jeito nenhum. Comprei essa semana o meu. Daqui a pouco faço resenha e te chamo para comentar... kkkkkkkkkkkk
    BJS!

    ResponderExcluir
  12. Nossa, fiquei doida aqui, pra saber mais, querendo ler, adoro esta intriga, este jogo, nossa, amei a resenha e fiquei doida para ler ^^

    beijoss
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Adoro esses livros de romance mas acho que nunca li Nora Roberts, vou procurar ler rápido depois da sua resenha.
    bjs

    Joyce
    http://entrepaginasesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. oi,
    Nossa! amei
    adorei seu blog,
    estou te seguindo, segue o meu tambem
    http://www.lostgirlygirl.com

    bjos

    ResponderExcluir
  15. Awn, Mackade *-* haha
    Estou louca para ler esse livro.
    Ainda não li nada da Nora (sim, eu sei, é uma vergonha haha) então estou querendo começar por esse :)
    Beijinhos,
    http://fulanaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir