6.12.12

Profundamente Sua - Sylvia Day


"... Ele se virou, girando graciosamente para me pegar com seu calor azul gelado. É claro que ele sabia que eu estava lá, observando-o. Há um ruído no ar, quando estamos perto um do outro, um sentido de antecipação como o silêncio que se estala antes do boom do trovão. ele provavelmente esperou, deliberadamente um pouco antes de enfrentar-me, dando-me a oportunidade de examiná-lo, porque ele sabia que eu gostava de olhar para ele...."




SINOPSE: Gideon Cross. Ele é tão bonito e perfeito do lado de fora quanto é danificado e atormentado no interior. Ele era uma chama brilhante e ardente que me chamuscou com o mais escuro dos prazeres. Eu não poderia ficar longe. Eu não queria. Ele era o meu vício... meu desejo... todo meu. Meu passado foi tão violento quanto o dele, e eu estava tão machucada. Nós nunca iríamos ser normais. Era muito difícil, muito doloroso... exceto quando era perfeito. Aqueles momentos em que a voragem do amor desesperado eram a loucura mais requintada. Fomos completamente subjugados pela nossa necessidade. E a nossa paixão nos levaria além dos nossos limites para a mais doce borda da mais nítida obsessão... 

Essa resenha contém spoillers.


"...O beijo foi se tornando mais profundo, nossas línguas foram se encontrando, nossa respiração foi-se acelerando..."


Tem uma frase que eu adoro e resume o que senti ao ler Profundamente Sua: " As vezes vocês pega um livro, outra ele te pega". Profundamente sua me pegou de jeito.
Sam, da série protetores que me perdoe, mas Gideon Cross é o cara...
Bem... quando fiz a resenha de Toda sua ( clique aqui e confira a resenha), eu disse que era quase possível fazer um jogo dos sete erros com 50 tons de Cinza. Mas depois de ler Profundamente Sua retido o que eu disse. Gideon e Eva são muito mais interessantes que Sr. Grey e Ana.
Se existe um dominador nesses livros que estão na moda, esse Dom é Gideon Cross. Lindo,maravilhoso, podre de rico, apaixonado e de brinde bom de cama. Aliás, bom é apelido, o cara é uma máquina de fazer sexo. Com um homem desses, toda mulher iria querer lavar , passar e cozinhar pra ele. E ainda fariam isso feliz da vida.





Eva também não deixa nada a desejar, se entrega inteiramente ao seu protetor nesse livro. Nada de ficar fugindo na primeira crise que se instala, como foi em Toda Sua.
Me deparei com uma Eva mais madura, mas centrada em seu relacionamento. Uma Eva mais consciente do homem que à tem. Ela é pegajosa, grudenta, dependente, mas ele também é. Acaba que o casal fica equilibrado. Se bem que casal equilibrado não é um termo que defina bem o casal. A relação de inter-dependência entre os dois é tamanha que eles precisam de uma ajudinha terapêutica.
Em alguns momentos pode ser que Gideon irrite o leitor ao ver as coisa que ele faz, mas se analisar bem, ele simplesmente faz de tudo pra proteger Eva. Eva é o centro do seu universo e ele fará de tudo por ela.

"... 'Doutor'... - Gideon recostou no assento em uma postura de quem estava irredutível.
O único jeito de me fazer resistir a ela é me matando. Tente encontrar outra  maneira de fazer a gente dar certo...."


Teve momentos que sofri com Eva, me entreguei à leitura e senti tudo que Eva sentia. O sentimento entre eles é tão intenso que durante a leitura a gente esquece que eles estão juntos há pouco tempo. Mas um relacionamento como o deles eu não esperava menos.
Amei a maneira como Eva confrontou as pessoas que são a causa dos pesadelos de Gideon. Ela é de uma coragem de se admirar, ela faz o que acha o certo pra defender seu amado. Nesse momento temos uma ideia do que Gideon passou.
Ao mesmo tempo, Gideon tenta a todo custo protege Eva do seu agressor do passado, que está rondando os dois, e colocando Eva em perigo. Em meio ao caos que se instala, até o coitado do Cary é atingido, como uma maneira de dar um aviso aos pombinhos. E se para fazer isso, ele tem que manter Eva afastada dele, ele o fará.
Gente, o livro é maravilhoso, Gideon é tudo de melhor e mais um pouco, Eva é uma mulher mais madura e cativante também.


"...Gideon abaixou a cabeça e selou sua boca sobre a minha. Tudo começou suavemente, doce e
provocante, sua língua acariciando todo meu lábio inferior. Eu abri minha boca, minha língua se movendo para tocar a dele...."



Eu li num tapa, como diz uma amiga minha. Peguei o livro e em dois dias eu devorei Gideon.
Agora só me resta esperar pelo terceiro, morrer de curiosidade pra ver onde isso tudo vai dar, porque Gideon e Eva são de tirar o fôlego.
O romance dos dois é pegajoso? É, mas é uma delicia de ler.
Eu pra lá de recomendo, quem não gosta de romance hot eu aconselho a se aventurar e conhecer esse casal tudo de melhor.
E que venho o terceiro....
Beijos!





14 comentários:

  1. Olha confesso que estou um pouco apaixonado por esse livro apesar de não ter lido kkkkkk , acho as capas lindas e pelo jeito apesar dele ser um pouco hot é bom :>D quero conferir sim em breve , adorei a resenha !

    euvivolendo.blogspot.com ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
  2. Não li a resenha por conta dos spoilers mas alguém sabe me dizer qual é o primeiro volume??

    obrigada
    beijoss
    http://bibliotecaaconchegante.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Bruna Guedes...o primeiro livro é Toda Sua....e leeia querida...pois irá amar...nosso Gideon....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente que vc ira amar essa triologia.....

      Excluir
  4. Oi Eykler, adorei sua resenha. Eu já li Toda Sua e gostei muito, e ao ler as resenhas deste segundo livro, já vi que vou ficar viciada em Gideon Cross também... kkkkkkkk
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  5. Uau!!! Que resenha foi essa??
    ainda não li o primeiro, mas minha vontade foi sair correndo e parar na primeira livraria e comprar os dois.
    Parabéns pela resenha.
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Que isso novinha? kkkkkkkkkkk
    Resenha poderosa essa sua. Acredita que eu ainda não li essa série. Vou comprar a trilogia completa e ler numa tacada só. Estou super sem tempo. Depois, lê lá no blog a resenha da Lucy sobre esse livro. Ele concorda com várias partes que vc levanta... BJS!

    ResponderExcluir
  7. Oi Eykler,
    A trilogia Crossfire,em minha opinião, disse mais ao que veio do que 50 tons, tanto que até evito fazer comparações, mas acabam inevitavéis. Valeu!!!
    s

    ResponderExcluir
  8. Ainda não li nem o primeiro da série (#SHAMEONME)
    Estou com um pouco de medo dessa leva de livros eróticos, ainda não gostei verdadeiramente de nenhum, a não ser a série da Bella Andre.

    Bjks

    ResponderExcluir
  9. Eu ainda não me empolguei a ler essa série, quando sairam os primeiros eróticos achei que ia me esbaldar, mas agora já estou cansada...rsss
    Mas marquei esse na lista, tomara que eu goste!!

    beijos

    ResponderExcluir
  10. Adorei essa frase flor, as vezes é o livro que te pega mesmo, e quando isso acontece é bom d+!!
    Estou super ansiosa para ler este livro, só falta comprar!!
    bom saber que ele te pegou!!
    Menina que seja pegajoso, eu gosto D+..
    Quero ler logo..

    bjs
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Estou louca p ler!!! Alguém sabe dizer o nome do terceiro?
    Pois eh 3 mas vi só 2...
    Muito boa a resenha!!!!

    ResponderExcluir
  12. Eu li os dois livros e sua resenha é simplesmente perfeita!

    Como você mesma disse: Li num tapa! E agora, desesperada para ler o terceiro!

    Que venha logo e que seja tão cativante como os dois primeiros. =)

    ResponderExcluir
  13. Eu li a triologia...E agora estou em desespero pelo quarto (Td de bom)Que venha logo se ñ vou pirar...Gideon paixão eterna..........

    ResponderExcluir